THEME We Fucking
Please, forgive me

Vamos marcar um dia p assistir filme e n prestar atençao no filme

“Ela sorri fácil, isso eu já notei, então penso alguns segundos sobre que tipo asqueroso de babaca faz aquele tipo de garota chorar.”

Gabito Nunes.   (via pequenarevolta)

“Queira eu ou não, tudo seu me afeta demais. Um “oi” mal dado, um sorriso falso, um comentário fora de hora, uma crítica maldosa, uma mensagem atrasada. Acredito que esse seja meu pior defeito, não consigo ignorar essas pequenas coisas ou o que elas me causam, estou tentando dizer que, se você falar algo que me machuca, não vou comentar, sou do tipo que guarda pra si e chora à noite quando ninguém mais percebe, quando todos estão dormindo. Tudo me atinge e eu não consigo intervir nisso, mesmo tentando não parecer chata nessa espécie de quase vida, onde eu quase falo, quase vou, quase sinto, quase amo, vivo nesses quases. E toda essa importância que eu dou para as suas palavras, para as suas atitudes é o que acaba comigo, porquê eu sempre faço tudo que está no meu alcance para te agradar e em troca só levo desvantagens, só recebo a pouca importância que você dá à tudo que eu faço e fiz por você, parece que tudo tende a dar errado quando eu me importo. Tudo tem sempre de dar errado quando você não me dá a importância que eu mereço. Tudo tem sempre de dar errado quando eu te amo e não sei deixar de te amar.”

Tickets of Cassie.   (via psycho-motel)